Blog

HomeSaúdeE se o seu filho estiver respirando pela boca?

E se o seu filho estiver respirando pela boca?

Você sabia que respirar pela boca pode trazer uma série de problemas de saúde?

É comum que esse hábito seja adquirido na infância. O importante é ficar de olho, pois muitos não sabem que ele aumenta as chances de infecções de laringe, traquéia e pulmões. Além disso, pode causar sérios problemas aos dentes, e também ao desenvolvimento dos ossos da face.

Existe uma maneira correta para que a língua e bochecha fiquem numa posição exata, onde não acontece nenhum tipo de força errada sobre os dentes, o equilíbrio da força é muito importante, se modificado, pode até mudar a posição dos dentes. Ao respirar pela boba esse equilíbrio é quebrado.

A respiração bucal, pode ser detectada facilmente pelos pais. Problemas respiratórios, lábios entreabertos e ressecados com gengivas inflamadas, ronco, sono agitado e pesadelos, todos esses sintomas fazem parte dessa síndrome. Se a criança baba durante o sono, tem olheiras e aspecto cansado, podendo ficar hiperativa ou sonolenta durante o dia. Ter a respiração barulhenta, comer rápido demais, mastigar pouco ao comer e beber líquidos para auxiliar na hora de engolir, também podem ser alguns sinais de que ela está respirando pela boca.

Quanto antes for diagnosticado, melhor!

Lembrando que a criança não precisa ter todos os sintomas, apenas alguns deles já bastam para uma consulta mais esclarecedora.

Como prevenir e tratar?

São os problemas respiratórios que ocasionam a síndrome da respiração bucal. Essas crises são geralmente ocasionadas no inverno. As crianças com processo alérgico devem evitar ambientes que favoreçam a proliferação de ácaros, fungos e poeiras.

Se o hábito for adquirido, o tratamento deve começar o quanto antes, caso contrários todos os malefícios citados acima podem ocorrer. O tratamento deve ser feito envolvendo médico, dentista e fonoaudiólogo.

Written by

The author didnt add any Information to his profile yet

Deixe um comentário

×