Blog

HomeSaúdeTudo que você deve saber sobre o dente do juízo

Tudo que você deve saber sobre o dente do juízo

Imagine-se na seguinte situação: você contando para alguém que conhece que acredita que o seu siso está nascendo e a pessoa retorna com uma risadinha dizendo “é sinal de que está criando juízo”. Embora a piada seja equivalente ao “pavê ou pacumê”, é sempre bom lidar com a questão com bom humor e com o cuidado que ela merece.

O dente de siso, ou dente do juízo como é comumente conhecido, é sempre alvo de diversas inseguranças que acabam por transformar a extração em um enorme pesadelo. E não há nenhuma necessidade para isso.

O que precisa ficar claro é que nem todo mundo precisa extrair o siso. Por essa você não esperava, não é? Algumas pessoas possuem uma mandíbula grande, capaz de abrigar os quatro dentes sem causar nenhum problema dentário. Mas isso, só quem poderá dizer é o seu dentista. Por nascer entre os 16 e 21 anos, o ideal é que o dente seja extraído antes dos 30 já que, após esta idade, a raiz do mesmo pode ir se calcificando com o osso, dificultando a retirada.

É muito importante que você faça a extração com um cirurgião-dentista de sua confiança, já que um erro cirúrgico pode ocasionar pode fazer com que você perca a sensibilidade da boca e queixo. E esqueça as dores. A anestesia garante tranquilidade ao paciente e você não sentirá nada depois do processo, que não demora muito para ser feita. Passado o efeito da anestesia, analgésicos prescritos pelo dentista vão contribuir para um pós-operatório sem maiores problemas.

Viu como nem tudo é como você imagina? Extrair o seu siso não é, e nem precisa ser um pesadelo.

Written by

The author didnt add any Information to his profile yet

Deixe um comentário

×