5 vantagens da Radiografia Digital na Radiologia Odontológica

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

A Radiologia Odontológica é um dos melhores exemplos dos avanços significativos que a tecnologia trouxe para a área da saúde, especificamente se considerarmos a radiografia digital.

A qualidade das imagens e a facilidade para registrá-las trouxeram muitos ganhos para a prática clinica, proporcionando diagnósticos mais precisos.

A radiografia é essencial no dia a dia do consultório odontológico. Nas áreas de Cirurgia Buco-Maxilo-Facial, Ortodontia, Implantodontia e Periodontia, é impossível imaginar qualquer tratamento sem a visualização prévia de imagens.

Diferentemente da radiografia convencional, que tem um custo inicial mais baixo, a radiografia digital apresenta vantagens de curto e longo prazo. Confira:

Vantagens da radiografia digital para a Radiologia Odontológica

Entre os principais benefícios que a radiografia digital traz para o consultório odontológico, estão:

Rapidez na entrega dos resultados

O processo da radiografia convencional é parecido com o de uma fotografia analógica: o chassi com a tela protege o filme radiográfico onde as imagens são registradas, que é “revelado” ao entrar em contato com líquidos processadores.

Já a radiografia digital divide-se em duas categorias: a CR (radiografia computadorizada) e a DR (radiografia digital).

Na CR (radiografia computadorizada ou indireta), no lugar do filme, o chassi tem uma placa de fósforo digital para digitalizar as imagens. Quando os raios-x incidem sobre o paciente, a placa recebe as imagens. Depois, a imagem é colocada em um leitor para ser transferida para o computador.

Já a DR (radiografia digital ou direta) não necessita de chassis; ela processa as imagens usando uma placa de circuitos sensíveis à radiação. Logo depois da captura, os registros são enviados pela placa ao computador.

Mesmo com o processo convencional levando poucos minutos para a geração das imagens, a digitalização permitiu que esse tempo fosse abreviado para segundos, facilitando ainda mais o dia a dia clínico. Assim, é possível ter o resultado na hora e enviá-lo ao odontologista mais rapidamente.

Menos exposição à radiação

Receber radiação não é saudável, portanto os radiologistas regulam os equipamentos para emitir o mínimo possível de raios-X, sem comprometer a qualidade das imagens.

Os receptores da radiografia digital são mais sensíveis à radiação. Com isso, o paciente é submetido a uma quantidade ainda menor de raios-X, sem prejudicar a qualidade das imagens ― que, a propósito, é maior que a convencional.

Esse procedimento traz benefícios tanto para o paciente quanto para o profissional de Radiologia.

dentista aponta imagem de radiologia odontológica digital para paciente sentado na cadeira

Precisão dos resultados

Um ajuste incorreto de intensidade de raios-X na hora do exame (tanto maior, quanto menor) pode prejudicar a qualidade das imagens, o que acarreta na falta de precisão do diagnóstico. Além disso, até mesmo a revelação das imagens pode influenciar negativamente o resultado.

Com a radiografia digital aliada à Radiologia Odontológica, a precisão dos diagnósticos aumentou consideravelmente. Isso ocorre porque softwares podem editar a imagem capturada, melhorando a nitidez, o contraste, a densidade e a coloração do exame. É possível também aumentar, cortar e adicionar anotações à imagem. Com isso, a visualização dos elementos radiografados fica muito melhor, e a comunicação entre radiologista e odontologista também é favorecida.

Armazenamento dos arquivos

As imagens da radiografia digital não precisam ser impressas, ou seja, ficam armazenadas no computador. Isso facilita bastante a organização dos arquivos de todos os pacientes do consultório. É possível manter todo o histórico do seu público à mão, quando necessário.

Outro fator importante é a segurança das informações, já que esses documentos podem ficar armazenados no sistema de gestão da clínica, sem necessidade de manter imensos arquivos cheios de papéis e filmes para guardar todos os registros.

Por fim, as imagens digitais odontológicas seguem um padrão chamado Digital Imaging and Comunications in Medicine (DICOM). O DICOM permite que as imagens sejam armazenadas e compartilhadas entre computadores e sistemas sem que haja perda de dados.

Por exemplo: se você terceiriza o serviço de Radiologia Odontológica e precisa das imagens, o profissional responsável pelos exames envia esses arquivos para o seu consultório e você as recebe com a mesma qualidade do arquivo original.

Essa padronização também permite uma comunicação mais eficiente entre computadores, já que não há riscos de que um equipamento não tenha capacidade de leitura da imagem.

Menos impacto no meio ambiente

A radiografia digital não trabalha com imagens físicas, apenas digitais. Além da facilidade de armazenamento, a radiografia digital ainda oferece a vantagem de não produzir lixo, já que os arquivos não necessitam de filme e impressão.

Outro aspecto a ser considerado é que o filme e os líquidos reveladores utilizados na radiografia tradicional contam com chumbo em sua composição, elemento altamente tóxico e muito prejudicial ao meio ambiente. 

Já com a radiografia digital, se você preferir imprimir as imagens, pode usar papel comum, facilmente reciclável. Caso a impressão da imagem não apresente a qualidade desejada, é só editá-la no software.

Isso significa mais sustentabilidade no seu consultório e mais qualidade no seu atendimento.

Sem dúvida, a tecnologia tem colaborado cada vez mais para a melhoria do atendimento odontológico. Nesse contexto, a radiografia digital constitui uma importante vantagem competitiva para a clínica, considerando agilidade e precisão no serviço prestado, colaborando para percepção de qualidade do paciente.

Por isso, investir nesse avanço é proporcionar benefícios tanto para a sua clínica quanto para os seus pacientes. A tendência é que a radiografia convencional fique completamente obsoleta em pouco tempo, portanto, invista na radiografia digital para a sua clínica.

Agora que você já sabe as principais vantagens que a radiografia digital trouxe para a Radiologia Odontológica, que tal descobrir quais são os 8 motivos para encaminhar seus pacientes à clínica de radiologia digital?

Seja um Dentista Parceiro!

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Deixe uma resposta