Tudo o que você precisa saber sobre Franquia Odontológica

As franquias na área da odontologia são uma boa oportunidade para dentistas que desejam empreender nesse setor. Nesse contexto, a franquia odontológica especializada em Radiologia Odontológica se tornou um negócio rentável e em plena expansão.

Pensando em reunir informações úteis sobre o tema, nós montamos um guia completo para um entendimento aprofundado sobre o assunto. Nessa página você encontrará as seguintes informações:

1. O que é e como funciona uma franquia odontológica especializada em Radiologia Odontológica;

2. Tipos de franquia odontológica;

3.  Como montar uma franquia odontológica especializada em Radiologia Odontológica;

4. Vantagens da Franquia Odontológica especializada em Radiologia Odontológica (para o franqueado e para os clientes);

5. Desafios da Franquia Odontológica especializada em Radiologia Odontológica;

6. Glossário da Franquia Odontológica especializada em Radiologia Odontológica.

O que é e como funciona uma franquia odontológica especializada em Radiologia Odontológica

As franquias odontológicas especializadas em radiologia são empresas cujo foco principal é oferecer serviços radiológicos para dentistas e seus pacientes. A escolha do franqueador deve passar, obrigatoriamente, pela observação do cumprimento das diretrizes básicas de proteção radiológica em radiodiagnóstico odontológico.

franquia odontologica

A gestão do negócio em radiologia compreende atribuições de diversas áreas, como:

Atendimento e relacionamento com clientes

Em uma franquia de radiologia odontológica, o objetivo do atendimento e relacionamento junto aos clientes e médicos solicitantes deve manter a mesma excelência e profissionalismo do atendimento clínico do franqueado.

Área Técnica e Médica

Com relação ao corpo técnico, por se tratar de um exame que emite radiação, é absolutamente necessário que tanto os profissionais da clínica de radiologia, quanto os clientes/pacientes estejam protegidos dos Raios-X. Os pacientes devem se submeter aos exames utilizando avental e protetores de tireoide feitos de chumbo. Já os funcionários devem se proteger em local adequado enquanto o exame é realizado.

Quanto à área médica, os profissionais responsáveis pelos laudos precisam muito específicos e o mais minuciosos possível, além de possuir didática para que o profissional solicitante receba um laudo completo e fique satisfeito ao ponto de continuar enviando pacientes para a sua unidade franqueada.

Marketing e Vendas

Um dos grandes benefícios de se obter uma franquia odontológica é o marketing da empresa franqueadora, pois grandes marcas investem fortemente em publicidade e em campanhas de vendas em diversas mídias.

Com uma franquia odontológica é possível aproveitar essa imensa vantagem para lotar a agenda e obter um rápido retorno do investimento.

Recursos Humanos

A capacitação é fundamental para atingir a excelência do atendimento, já que os atendentes são a imagem da empresa. Todo paciente apreciam ser muito bem tratado, por isso a unidade franqueada deve prezar pela excelência do atendimento.

Geralmente, a capacitação dos funcionários está incluída no treinamento oferecido pelo franqueador, visando o bom andamento do negócio.

Administrativo

Além da alta taxa de atendimentos, o suporte administrativo oferecido pelo detentor da franquia, garante o sucesso da empresa.

A área administrativa de uma unidade franqueada inclui a definição e o controle dos procedimentos internos relacionados aos fluxos de trabalho, documentação, manutenção de licenças e alvarás etc. Essas atividades são fundamentais para garantir o funcionamento da franquia.

Financeiro

Para que sua empresa goze de todos esses benefícios, auxílios e suporte, as franquias cobram royalties mensais que variam de 5% a 10%, dependendo de qual franquia tipo odontológica  escolhida. Além de fazer a gestão desse aporte, a área financeira da franquias precisa dar cota da gestão de todas as atribuições de contas a apagar e receber da empresa, garantindo o fluxo de caixa necessário para a operação.

Fiscal

Em paralelo ao controle financeiro, a área fiscal da franquia administra o pagamento de todos as taxas, impostos e tributos relacionados às atividades da empresa, de forma planejada para diminuir as despesas, tanto quanto for possível.

Confira mais informações sobre a gestão do negócio em radiologia:

Tipos de franquia odontológica

Diagnóstico

As franquias de diagnóstico são focadas em diagnosticar e oferecer serviços clínicos para odontologia pediátrica e adulta. Também oferecem tratamentos de ortodontia, endodontia e periodontia. Esse tipo de franquia pode oferecer outros tipos de atendimento mais especializado.

Emergência

O ramo da emergência pode ser dividido em urgência e emergência. A primeira é uma situação crítica com perigo iminente em que o paciente ocorre risco de vida.

Muitos desses pacientes são cardiopatas, hipertensos, diabéticos, asmáticos ou com doenças renais e hepáticas. Tais condições obrigam o profissional a adotar algumas precauções antes do início do tratamento. Já a urgência, é uma situação que precisa ser sanada imediatamente, mas que não deixa o paciente em uma situação de risco.

Clínica

O ramo da odontologia clínica é o mais conhecido pela população em geral e está associado à clínica geral. É responsável pela prevenção e pelo tratamento de diversas desordens e doenças dos dentes e das gengivas.

Radiologia odontológica

A franquia em radiologia odontológica, que gera imagens com diagnóstico por excelência, é um ramo que tende a ganhar cada vez mais importância, já que esse é um serviço de apoio ao cirurgião-dentista no diagnóstico de enfermidades dos dentes.

Por isso, essa é uma grande oportunidade de negócio, tanto para profissionais da área, quanto para investidores.

A franquia de Radiologia odontológica DVI Radiologia, por exemplo, oferece uma imensa gama de exames, tais como:

Laboratório Digital 3D

  • Modelos Digitais: Análise Digital de Modelos 3D;
  • Modelos Digitais: Confecção de setup virtual;
  • Modelos Digitais: Digitalização de Acervos;
  • Guia cirúrgica para Cirurgia Ortognática;
  • Guia cirúrgica para Implantes;
  • Alinhadores.

Radiologia Digital 2D

  • Radiografia Panorâmica com Traçado Anatômico;
  • Radiografia Panorâmica de ATM;
  • Documentação para Implantes;
  • Documentação para Prótese;
  • Documentação Ortodôntica;
  • Documentação Ortopédica;
  • Radiografia Interproximal;
  • Radiografias Periapicais;
  • Radiografia Panorâmica.

Radiologia Digital 2D

  • Tomografia para avaliação de terceiros molares;
  • Tomografia para Ortodontia;
  • Tomografia para Implantes;
  • Tomografia Endodontia;
  • Tomografia de ATM;
  • Índice Carpal.

Esse tipo de franquia é uma opção bastante consolidada para quem busca garantia do retorno do seu investimento (ROI).

Confira mais informações sobre franquia de radiologia odontológica:

Mista

Esse tipo de franquia engloba uma ou mais especialidades e pode incluir, inclusive, a radiologia odontológica. Mas deve-se ter em mente que esse tipo de empreendimento é muito mais custoso e requer mais trâmites legais.

Como montar uma franquia odontológica especializada em Radiologia Odontológica

Aspectos legais

Os aspectos legais de uma franquia incluem, além dos alvarás tradicionais, alguns específicos para atuar com equipamentos radiológicos.

A clínica deverá ter um memorial descritivo com todos os procedimentos oferecidos e equipamentos utilizados, identificando seu responsável legal.

franquia odontológica

Licenças

Licenças para todas as clínicas/franquias odontológicas

A lista completa dos alvarás de licenciamento necessários em cada região pode ser encontrada na prefeitura da localidade. Sem o cumprimento dessas normas é impossível abrir uma franquia odontológica especializada em Radiologia Odontológica.

Alvará Sanitário Inicial (Grupo Estabelecimentos de Saúde)

O órgão responsável por emitir essa licença é a Gerência de Vigilância Sanitária. No caso de serviços odontológicos, o alvará é exigido dos profissionais que oferecem serviço de prótese odontológica e serviços de Radiologia Odontológica.

Licença de Funcionamento da Vigilância Sanitária

A Licença de Funcionamento é expedida pela Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal – VISA. Órgão que autoriza o funcionamento da franquia odontológica. Quem define o trâmite legal e documental, bem como sua validade, é o Estado. Esse alvará deve ser solicitado antes mesmo do início das atividades da franquia — para que a clínica já comece a atender os pacientes segundo o que determina a legislação.

Para obter o Alvará de Licença Sanitária é fundamental adequar as instalações segundo um documento que trata das especificações legais relacionadas às condições físicas do local,  o Código Sanitário do Estado, além de seguir todas as normas de biossegurança apontadas pela VISA. Isso porque, as clínicas de odontologia radiológicas são consideradas locais de alto risco devido à emissão de radiação.

A licença de funcionamento da Vigilância Sanitária é emitida após o pagamento de taxa e realização de vistoria obrigatória. O não cumprimento das exigências gera auto de infração e penalidades, incluindo o fechamento da unidade.

Alvará de Funcionamento da Prefeitura

O Alvará de Funcionamento emitido pela Prefeitura é obrigatório para consultórios e clínicas da área da saúde. Para emiti-lo é necessário o pagamento de uma taxa, calculada com base na localização e no funcionamento da clínica. Para a solicitação desse alvará, o profissional de odontologia (ou um representante legal) precisa levar até a Prefeitura seu CRO, o CNPJ, o CT Social e também o comprovante de IPTU.

Alvará de Funcionamento do Corpo de Bombeiros

O Alvará de Funcionamento emitido pelo Corpo de Bombeiros pode ser solicitado junto ao site da organização www.bombeiros.go.gov.br. A partir daí é realizada uma vistoria para que a licença seja emitida.

Licença Ambiental

Da mesma forma que o Alvará de Funcionamento, a Licença Ambiental é considerada como um Imposto Sobre Serviços De Qualquer Natureza (ISSQN). É emitida pela Prefeitura, após uma vistoria e pagamento de uma taxa. Já a Taxa de Fiscalização de Localização e Funcionamento (TFFL) designa as Atividades que Determinam o Sujeito Passivo, o Porte e o Grau de Poluição da Taxa de Licenciamento Ambiental.

Licenças para as clínicas/franquias odontológicas de radiologia

O licenciamento dos consultórios e clínicas odontológicas com Raio-X intra-oral inclui ainda:

Alvará inicial

No Alvará Inicial de Funcionamento, além das exigências mencionadas anteriormente, ainda devem ser acrescidos:

1. Levantamento Radiométrico emitido por empresa cadastrada no Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS), com validade 4 anos, isso se não houver alterações na instalação ou nos equipamentos de radiografia. O Certificado de Calibração dos instrumentos de medida emitido pelo IRD-CNEN deve, obrigatoriamente, ser anexado;

2. Declaração dada pelo responsável técnico com relação ao número médio de radiografias feitas por semana. Se o estabelecimento ainda não estiver em funcionamento declara-se o número previsto. Se a quantidade média de radiografias for menor do que 25 por semana, não será preciso assinar um contrato de monitoração;

3. Relatório com os testes do controle de qualidade em vigência emitido por um especialista em física radiodiagnóstica, segundo a portaria MS 453 de 06/1998.

Para serviços de radiologia odontológica intra-oral é preciso demonstrar ainda:

  • planilha mensal de doses mais recente;
  • relação dos funcionários monitorados;
  • cópia do contrato de monitoração.
Alvarás subsequentes

Para a renovação do alvará deverão ser apresentadas:

1. Declaração de não haver alterações nas instalações e equipamentos do estabelecimento odontológico com Raio-X. Havendo alterações, estas devem ser anexadas ao levantamento radiométrico atualizado;

2. Declaração de serem feitas até 25 radiografias periapicais semanais. Para um número maior é preciso um controle dosimétrico no trabalho (contrato de monitoração) ou, então, ter a quantidade de Raios-X dividida entre os profissionais da clínica – visando suas próprias seguranças;

3. Cópia do Levantamento Radiométrico, seguindo os mesmos parâmetros do alvará inicial. Além disso, é preciso anexar o Certificado de Calibração dos instrumentos de medida, expedido pelo IRD-CNEN (Instituto de Radioproteção e Dosimetria – Comissão Nacional de Energia Nuclear);

4. O mesmo relatório do item 3 do alvará inicial, em vigência.

Para radiologia odontológica intra-oral é preciso apresentar ainda:

  • relação do tipo e número médio mensal dos exames radiográficos realizados;
  • relação dos funcionários monitorados;
  • cópia do contrato de monitoração;
  • última planilha mensal de doses.

Vistorias – inicial e anual

Para a emissão das Licenças e Alvarás de Funcionamento é necessária a realização de vistorias realizadas pelos órgãos competentes. Elas ocorrem, inicialmente, antes de abrir a franquia odontológica e depois disso, uma vez por ano, para efeito de renovação das licenças.

Consequências do descumprimento das exigências legais para funcionamento

De acordo com a Lei Federal n 6.437 – de 20 de agosto de 1977, o não cumprimento das exigências para a obtenção das licenças tornará a clínica irregular, podendo resultar em multas e, até, no fechamento da franquia.

Por isso, é fundamental que todas as normas sejam observadas e que todos os colaboradores – sobretudo a equipe técnica que lida diretamente com os aparelhos de radiologia – compreendam a importância e as consequências do não cumprimento destas exigências que são, na verdade, uma forma de segurança para os funcionários e pacientes da clínica.

O órgão responsável pela regulamentação e fiscalização das franquias odontológicas no Brasil é a Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Equipamentos

As máquinas radiológicas são caras, o que faz com que a tentação de comprar aparelhos seminovos seja grande. Se essa for a sua intenção, apenas adquira máquinas que possuam garantia e certificados de manutenção periódica — lembre-se de que são aparelhos que emitem radiação,  que precisa estar controlada adequadamente e com feixes muito bem direcionados para o local a ser radiografado. Por isso, o mais aconselhado é adquirir equipamentos novos, com orientação do fabricantes e regulamentos específicos com relação à blindagem.

A equipe técnica também deve usar equipamentos de proteção e os pacientes precisam usar aventais de chumbo e protetores de tireoide. É preciso obter materiais que podem ser usados em casos de acidentes.

Custos

Os custos para abrir uma franquia odontológica em radiologia não são exorbitantes se comparados ao retorno financeiro obtido. Nos serviços de radiologia odontológica, é possível mensurar custos e lucros mediante cada atividade do profissional.

Os custos “chave” em uma clínica de radiologia estão relacionados principalmente aos meios digitais — mais caros do que os analógicos — e na documentação, que garante maiores vendas e traz fidelização e confiança dos clientes. Na radiologia tradicional, por exemplo, o processamento do filme pode trazer um custo indireto de 26%. Já, a transcrição dos laudos e o escaneamento aumentam ainda mais essa porcentagem.

Os custos com manutenção periódica dos aparelhos também devem ser considerados. Cabe lembrar que cada procedimento agrega um custo ao profissional, requerendo uma boa administração de valores.

franquia odontologica

Vantagens da Franquia Odontológica especializada em Radiologia Odontológica

Vantagens para o franqueado

  • Os aspectos legais (bem maiores do que para franquias tradicionais) já estão bem documentados;
  • Contar com o treinamento e suporte altamente especializado de uma franqueadora com know-how na área;
  • Contar com máquinas de ponta (como as digitais em 2 e 3D), a depender da empresa escolhida;
  • Contar com o investimento em marketing da franqueadora;
  • A padronização da rede já vem inclusa.

Vantagens para os clientes

Para os clientes, o maior benefício é a segurança em realizar seu exames radiográficos em uma rede renomada e que toma todas as precauções com relação à proteção do paciente durante a emissão dos Raios-X.

Outro grande benefício é a certeza de obter imagens de alta qualidade e laudos precisos, completos e de fácil entendimento.

Desafios da Franquia Odontológica especializada em Radiologia Odontológica

Expertise

Esse tipo de empreendimento deve ser montado por pessoas com muito conhecimento na área. Não é um apenas um negócio para quem quer lucrar com boas oportunidades. Esse é um negócio muito rentável, mas que precisa ser estruturado e monitorado (de perto) por profissionais da área da saúde. Por isso, se o empreendedor não for credenciado com CRO, é indicado considerar abrir sociedade com um dentista ou contratar um especialista da área.

Equipe

Contar com uma equipe bem treinada e especializada (com certificação) é obrigatório, pois o desleixo com alguns cuidados e o manuseio incorreto dos equipamentos pode influenciar diretamente na saúde de funcionários e pacientes, bem como na qualidade do serviço prestado.

Os profissionais da área de saúde (radiologistas e odontólogos) são os mais habilitados para manusear os equipamentos para serviços de uma clínica radiológica. O manuseio incorreto desses itens pode alterar o diagnóstico do paciente e prejudicar todo o negócio.

Glossário Rápido da Franquia Odontológica especializada em Radiologia Odontológica Digital

Os termos mais comumente usados nesse tipo de franquia tão específica são:

Radiologia Odontológica

Documentação composta por:

  • Uma Radiografia Panorâmica com finalidade ortodôntica,
  • Uma Telerradiografia de perfil com um traçado cefalométrico,
  • Cinco fotografias,
  • Um par de modelos ortodônticos,
  • Uma caixa para acondicionamento de modelos ortodônticos,
  • Uma pasta plástica para acondicionamento de exames radiográficos.

Radiografia Panorâmica

Oferece baixa dose de radiação, rápida execução, oferece segurança nos tratamentos. Alta qualidade de Imagem, com ampla abrangência diagnóstica.

Radiografia Panorâmica de ATM

A ATM (articulação têmporo-mandibular) é uma área de difícil diagnóstico e suas disfunções causam inúmeros problemas para o paciente. Esse exame faz um diagnóstico preliminar no problema.

Radiografia periapical

Indicada para diagnóstico de lesões, cáries, perdas ósseas e outras patologias.

Radiografia interproximal (ou bite-wing)

Usada para diagnosticar cáries profundas. A tecnologia digital oferece menor dose de radiação e maior qualidade de imagem.

Radiografia oclusal

Avalia a posição das raízes residuais, dentes inclusos e dentes supranumerários.

Gostou dessa matéria? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhe no Facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhe no Twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhe no Linkdin
Compartilhar no pinterest
Compartilhe no Pinterest

Deixe um comentário

Fechar Menu
×
×

Carrinho

Dentista solicite uma visita

Um representante entrará em contato para agendar uma visita.

DENTISTA SUAS REQUISIÇÕES ACABARAM?

Preencha o formulário abaixo: