Você tem perfil para abrir uma franquia de radiologia odontológica?

Entrar no ramo de franchising é um sonho para muitos profissionais da odontologia, mas quantos deles têm perfil para abrir uma franquia?

Esta pode ser a sua dúvida e a de muitos outros dentistas. Por isso, preparamos um post sobre o assunto. Acompanhe.

Perfil para abrir uma franquia

Ao pensar em abrir uma franquia é imprescindível fazer uma autoanálise para verificar se você tem perfil para essa empreitada. Afinal, ainda que tenha todo o respaldo do franqueador, você será o responsável pela operação da sua unidade franqueada.

Para o autor do livro “Franchise Bible”, Rick Grossman, em uma entrevista à PEGN, um dos elementos mais determinantes para uma franquia ser bem sucedida ou se tornar um fracasso é o quanto o empreendedor sente satisfação em estar à frente do seu negócio.

Pensando nisso, elencamos as principais características que um profissional da odontologia que deseja abrir uma franquia precisa ter para alcançar o sucesso. Confira!

Qualidades importantes para quem deseja abrir uma franquia de radiologia odontológica

Aceitar e seguir os padrões da franquia

Esse é um fator decisivo para avaliar se você tem perfil para abrir uma franquia. Isso porque, nem todas as pessoas estão despostas a seguir os padrões determinados pelo franqueador.

A empresa que disponibiliza sua marca para se tornar uma franquia espera que o empreendedor aprenda e siga as regras da sua empresa. Assim, se você se afastar dos padrões poderá violar as regras do contrato de franquia, além de isso ser pouco produtivo para o seu negócio.

Afinidade pelos valores da marca

Essa característica está ligada à anterior. Isso porque, cada marca tem seus valores definidos e o franqueado que, além de “aceitar” seus valores,  vê-los como sendo importantes para si, estará um passo à frente daquele que não compartilha as mesmas opiniões que a empresa com a qual ele cogita se tornar parceiro.

Competência para trabalhar em equipe

No ramo das franquias em odontologia, trabalhar em equipe tem alguns significados. O dentista empreendedor precisa ter habilidade para lidar com os funcionários (como atendentes e pessoal da limpeza), bem como com os outros dentistas que farão parte da sua equipe.

Lembre-se de que, além de gerenciar esse pessoal, será preciso contratá-los e também demiti-los. Se isso não for o seu perfil de empreendedor, considere empreender sem ter uma grande equipe ou atuar sozinho.

Disponibilidade para gerir a sua franquia em odontologia

Você tem perfil para abrir uma franquia de radiologia odontológica

Em geral, quem busca a carreira de odontologia o fez desejando atuar dentro da “sala do dentista” e não em um escritório de administração. No entanto, ao se formar ou mesmo após anos de carreira, a mentalidade do profissional pode mudar.

Assim, ele pode vislumbrar que estar à frente do próprio negócio em vez de apenas atender aos pacientes. Isso pode ser não apenas o próximo passo para faturar mais como também algo desafiador e interessante. Se você se vê nesse contexto, esse é mais um ponto que demonstra que você tem perfil para montar uma franquia odontológica.

Capacidade de firmar relacionamentos

Ser uma pessoa que sabe firmar bons relacionamentos e negociações é um verdadeiro trunfo para quem decide empreender em uma franquia. E isso é verdadeiro qualquer que seja o ramo de negócios.

O vice-presidente da ABF, Altino Cristofoletti, disse à Exame que o franqueado ideal tem a característica de estar sempre ligado em vendas. Independentemente de sua área de atuação é preciso que você saiba promover aquilo com que atua, incluindo conseguir feedbacks dos seus clientes — que se você for dentista, pode chamar de paciente.

Saber se relacionar bem também se estende à franqueadora, já que essa é uma parceria de longa duração. Em resumo, uma pessoa com perfil para abrir uma franquia é alguém de fácil trato.

Competência para negociar racionalmente e não por impulso

Você se especializou em endodontia porque adora tratar canais dentários, então rejeita a ideia de que sua franquia odontológica precisará abranger muitas outras especialidades como o ramo de radiologia odontológica.

Antes de empreender em franchising é necessário avaliar desde a família até a análise bem detalhada do contrato para adquirir a unidade franqueada. Ser racional é fundamental no dia a dia do seu negócio.

Identificação com o segmento

Embora tenhamos citado acima que é necessário ser racional, também é importante levar em consideração suas predileções. Essa capacidade fará com que você evite investir em um ramo que você não possui afinidade e ainda aumentará exponencialmente as chances de o seu negócio ser mais produtivo.

Assim, tente encontrar um meio termo buscando abrir uma franquia em um ramo promissor, como a área de radiologia, por exemplo, e que você consiga se enxergar atuando daqui a muitos anos.

Capacidade de dedicar-se completamente à franquia

O modelo de negócio de franquias pode parecer para muitas pessoas, como uma empresa que anda sozinha. Na verdade não é assim que funciona. Ainda que o seu negócio já comece com um nome forte no mercado e que você não precise se dedicar ao desenvolvimento do marketing e nem ao menos pensar em como será o logo da sua empresa, nenhum negócio vive apenas do know how da franqueadora.

Assim, é fundamental que o profissional que deseja saber se tem perfil para abrir uma franquia saiba que precisará acompanhar de perto o funcionamento da sua unidade. Ele precisará tomar decisões assertivas que garantirão o sucesso ou fracasso do negócio.

Aptidão para identificar riscos com os pés no chão

Investir em uma franquia é, de fato, muito mais seguro do que apostar em novos mercados de trabalho para odontologia ou começar um negócio do zero. Contudo, isso não significa que não haverá riscos.

Isso porque, eles sempre existem e o franqueador aceitará o desafio sabendo (ou ao menos prevendo) quais são eles para poder tomar as melhores decisões, sempre.

Concluímos o post afirmando que a franquia é uma ótima opção para o dentista que deseja ter estabilidade financeira e não quer abrir uma clínica ou está cansado de clinicar. Dessa forma, se algumas das características acima não se adequam ao seu perfil, mas ainda assim seu desejo de se tornar um franqueado for grande, adquirir novas habilidades e talentos faz parte do ser humano, basta treiná-las e ter força de vontade.

Agora que você já leu tudo o que precisa descobrir a respeito de si mesmo para saber se tem perfil para abrir uma franquia, conheça a DVI Radiologia, uma ótima opção do ramo de franchising.

Gostou dessa matéria? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhe no Facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhe no Twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhe no Linkdin
Compartilhar no pinterest
Compartilhe no Pinterest

Deixe um comentário

Fechar Menu
×
×

Carrinho

Dentista solicite uma visita

Um representante entrará em contato para agendar uma visita.

DENTISTA SUAS REQUISIÇÕES ACABARAM?

Preencha o formulário abaixo: