Site icon DVI Radiolgia

Decoração para consultório odontológico: 6 ideias simples e efetivas

Decoração para consultório odontológico

Arquiteto: Giuliano Marchiorato. Projeto: Gaex, 2017.

Para muitas pessoas, qualquer ambiente de saúde é assustador. Os odontologistas que o digam: há quem trema só de ouvir o barulho da caneta de alta rotação. Mas o que muitos profissionais não sabem é que uma adequada decoração para consultório odontológico pode reverter essa impressão ruim e proporcionar um atendimento mais humanizado.

Não é de se estranhar. Pense nos locais em que você se sente à vontade: são iluminados, com cores adequadas e proporcionam sensação de acolhimento (mesmo que eles sejam, por exemplo, ao ar livre).

Se você quer proporcionar um ambiente mais agradável aos pacientes, confira 6 dicas de decoração para consultório odontológico:

6 dicas de decoração para consultório odontológico

Confira nossas melhores dicas para deixar o consultório mais agradável tanto ao profissional quanto ao paciente.

1. Cuidado nas cores

Embora ambientes comerciais com paredes pretas estejam se tornando comuns, esse tipo de decoração é inviável para ambientes odontológicos. Como há outros objetos da cor em um consultório, o conjunto pode ficar visualmente pesado.

Além disso, a tinta preta acaba disfarçando sujidades e infiltrações, que precisam ser percebidas pelo profissional para a manutenção do local sempre de acordo com as normas da Anvisa.

Mas o contrário também não é visto com bons olhos. Muito utilizado nos ambientes de saúde, o branco traz sofisticação e relaxamento. Mas quando usado em demasia, deixa o local frio, sem “emoção”.

Tons e combinações

Um consultório odontológico precisa ter cores claras e leves, que proporcionem sensação de conforto, mas sem deixar a sofisticação de lado.

É possível misturar branco, cinza e tons terrosos, por exemplo, tirando o aspecto frio de um ambiente de saúde com um toque de modernidade. 

Outra cor muito recorrente é o azul e suas variações. Muito versátil, é uma das cores mais usadas para consultórios odontológicos. Mas não abuse, justamente para não trazer a mesma sensação de frieza do branco.

Outras cores interessantes são verde, rosa e lilás. Deixe os tons quentes — amarelo, vermelho e laranja, por exemplo — de fora, pois causam agitação.

Para não ter erro, use o branco como tom dominante da maior parte das paredes, por exemplo, e 2 ou 3 cores para o resto da decoração.

2. Capriche na recepção

A recepção é o cartão de visitas do consultório. Afinal, é o primeiro local em que o paciente pisa quando chega. Portanto, ele precisa ser caprichado. Se o local for tedioso, quente e desconfortável, por exemplo, vai espantar seu público.

Além de uma equipe preparada e devidamente uniformizada, tenha uma recepção bem equipada com:

Outro fator importante é pensar na proporção: ambientes pequenos pedem móveis pequenos. Você também pode organizar a recepção por setor — atendimento, espera, copa e banheiro, por exemplo.

3. Imprima seu estilo

A decoração precisa seguir a identidade visual da clínica e, claro, o estilo do odontologista. Quando você segue essa cartela de cores, marca o consultório odontológico na mente do paciente.

Ao mesmo tempo, ela deve seguir o gosto do profissional. Pode ser algo mais lúdico, caseiro ou empresarial, mas que reflita o que a clínica deseja passar. Móveis de linhas geométricas e cores sólidas, por exemplo, trazem um ar mais contemporâneo. Já madeira e palha imprimem algo rústico.

Foto: Aresto Arquitetura

4. Invista em enfeites, mas mantenha o minimalismo

Os enfeites dão todo o charme a um consultório e não necessitam de uma mudança maior, como pinturas, troca de móveis ou colagem de papel de parede. Algumas sugestões:

Para quem se sente inseguro na hora de decorar, uma boa dica é procurar por boas referências. Redes sociais como o Instagram e, principalmente, o Pinterest trazem ótimas inspirações de decoração. Depois, é só adaptar de acordo com sua necessidade e vontade. 

5. Faça um projeto de iluminação indireta

A luz branca direta remete a hospitais e ambientes mais frios. Embora você esteja pensando em uma decoração para consultório odontológico, é possível trazer mais modernidade e afastar esse ar “sem emoção” com luz indireta.

Portanto, use luzes de LED na cor amarela e luminárias em locais diferentes (no chão  e em faixas no teto, por exemplo) para trazer uma atmosfera mais aconchegante. Para isso, peça a um profissional para fazer um projeto de iluminação indireta.

6. Tenha um espaço para crianças

A maior parte das crianças não gosta de espaço de adultos — além de tediosos, elas sempre são obrigadas a ficar em silêncio. Portanto, ter um espaço na recepção reservado aos pequenos pode ser a solução mais eficaz para quem precisa ir ao dentista, mas não tem com quem deixar os filhos.

Mas o que esse espaço deve ter?

Um ambiente para crianças também é ideal para quem deseja investir na Odontopediatria. Nesse caso, é possível ter uma liberdade bem maior na decoração do consultório onde os pequenos serão atendidos. 

Viu como é possível fazer uma decoração específica para consultório odontológico? E se você quer saber das novidades em Odontologia e Radiologia Odontológica, assine a newsletter da DVI Radiologia!

Sair da versão mobile