Como funciona o planejamento cirúrgico virtual na Odontologia

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

O planejamento cirúrgico virtual é uma ferramenta muito interessante e importante para os dentistas. A partir dele, é possível melhorar os atendimentos prestados aos pacientes e conquistar mais resultados positivos nas intervenções cirúrgicas.

Falaremos neste artigo sobre o que é e como fazer o planejamento cirúrgico virtual. Também apresentaremos os principais tipos e as vantagens da técnica.

Para saber mais sobre tudo isso, basta seguir com a leitura. Vamos lá?

O que é o planejamento cirúrgico virtual?

O planejamento cirúrgico virtual é um processo que visa reunir todos os dados de imagens recolhidos do paciente.

Dessa forma, é possível até mesmo desenvolver biomodelos, que garantem uma cópia exata da região em que é necessário fazer a intervenção cirúrgica no paciente.

A ideia é que o tratamento que será realizado no paciente possa ser virtualmente simulado. Assim sendo, o dentista pode “treinar” antes de fazer a cirurgia, evitando erros e conquistando melhores abordagens.

Com o planejamento virtual, o dentista consegue prever e determinar cada movimento cirúrgico que será realizado. Todos os milímetros e ângulos reproduzem exatamente as características individuais. 

Ou seja, o dentista consegue avaliar a reprodutibilidade cirúrgica de cada movimento proposto, bem como possíveis obstáculos que possam impedir a condução da cirurgia.

Se for identificado que o paciente ter uma interferência óssea, por exemplo, é possível pensar em alternativas para realizar o procedimento cirúrgico sem que ele seja prejudicado.

Planejamento cirurgico

Como é realizado o planejamento virtual de cirurgia?

O primeiro passo para fazer o planejamento cirúrgico virtual é solicitar ao paciente a realização de exames diversos, tais como a tomografia computadorizada, as panorâmicas, entre outros.

O objetivo dessa prática é conseguir que se reproduza exatamente as características do paciente em três dimensões. De tal maneira, será possível que o dentista veja a sua estrutura óssea e dentária, bem como os tecidos gengivais e faciais.

Se você tem experiência na área, deve saber que cada um dos exames gera arquivos com formatos diferentes. Por isso, é importante o uso de um bom software de planejamento virtual de cirurgia.

Os programas devem aceitar os diferentes tipos de extensão dos arquivos, para unir as imagens e possibilitar que o planejamento seja realizado.

De tal forma, fica evidente que qualquer cirurgião-dentista pode ter acesso a essa tecnologia, desde que adquira um software apropriado para isso.

Além disso, é importante que o profissional seja bem assessorado, para poder fazer planejamentos que realmente reproduzam as estruturas dos pacientes de forma fidedigna. Existem empresas que prestam esse tipo de assessoria.

Quais são os tipos de planejamento cirúrgico virtual mais comuns?

Existem diferentes tipos de planejamento cirúrgico virtual disponíveis no mercado e utilizados pelos dentistas com diferentes especialidades.

Entre os mais comuns, destacam-se os seguintes:

  • planejamento de restaurações protéticas: usado para tratamentos com lentes de contato dental, onlays, inlays, próteses sobre implantes, entre outros;
  • planejamento de guias cirúrgicos: indicado para quando são realizadas cirurgias periodontais, ortognáticas, prótese de ATM, entre outras modalidades;
  • planejamento de guias endodônticos: para as situações em que é necessário ter acesso à câmara pulpar do paciente ou em situações em que há calcificação nos condutos; e
  • alinhadores ortodônticos.

Quais são as principais vantagens do planejamento cirúrgico virtual?

Para os dentistas, o planejamento cirúrgico virtual é interessante por proporcionar uma visão ampla e possibilitar o traçamento de estratégias para atender os pacientes.

Em resumo, o profissional não fica “no escuro” ao fazer uma cirurgia e pode planejar cada um dos seus passos, evitando erros, falhas e imprevistos.

Ao paciente, por sua vez, se tem a garantia de um tratamento com mais qualidade. Além disso, se tem praticamente certeza que nenhum erro acontecerá durante a sua cirurgia, o que também possibilita uma melhor recuperação e menos sofrimento com dores.

Achou interessante saber mais sobre o planejamento cirúrgico virtual? Esse processo pode ser aplicado na sua clínica, basta que você encontre os parceiros certos para realizar essa implementação. 

A DVI Radiologia oferece aos seus clientes os softwares mais avançados existentes no mercado. Assim, se torna possível realizar o planejamento cirúrgico dos pacientes com maestria.

Além disso, também realizamos treinamentos para que os profissionais saibam como operar os softwares e todas as suas ferramentas. Quer saber mais? É só entrar em contato conosco! Nosso time de atendentes está à sua disposição!

Seja um Dentista Parceiro!

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Deixe um comentário